EU SOU “BRAZILEIRO” E NÃO EXISTO NUNCA!!!!!

EU SOU BRAZILEIRO E NÃO EXISTO NUNCA!!!!! 

De uma forma generalizada, o brasileiro é um ser que vive num círculo vicioso. O brasileiro acorda cedo, vai trabalhar, volta pra casa tarde, acorda cedo, vai trabalhar, volta pra casa tarde, acorda cedo… e ganha menos que o necessário para poder viver de forma digna. Ao serem questionados sobre sua posição, eles se lembram da frase supracitada e contra-argumentam: “Eu sou brasileiro e não desisto nunca! Minha vida vai melhorar, eu sei, basta eu não desistir e trabalhar muito”. Pausa para ficar boquiaberto. […]
É alguém que reclama de uma lei que evita que vidas sejam perdidas, pois os donos de bares estão tendo prejuízos. Rolam notícias e mais notícias sobre a bendita “Lei Seca” e muitas dessas são sobre os donos de bar reclamando dos prejuízos e que essa lei é inconstitucional, blá, blá, blá! Pior ainda é o próprio cidadão comum reclamar da mesma maneira. Já percebi em várias reportagens que as pessoas de um modo geral tomam as dores dos ricos empresários donos de bares e dizem “Não, os coitados [donos de bares] precisam ganhar o pão de cada dia”. Se pelo menos os ricos donos de bares reclamassem que os cidadãos comuns estão na merda… Se pelo menos houvesse uma troca, em que todos protestavam pelos problemas de todos. Mas não! O brasileiro quer dar uma de bonzinho, de hospitaleiro, que vive e não tem a vergonha de ser feliz…
E porque não dizer que é alguém que aceita tudo sem questionar ou duvidar? Pra um brasileiro, se saiu na televisão é verdade. Não importa, a televisão é a mais pura e confiável fonte de informação. O Jornal Nacional então nem se fala! O Fantástico com suas reportagens estúpidas fascinam. Programas e mais programas que falam sobre a vida das celebridades estão poluindo o que já era poluído. Programas evangélicos e católicos da mesma maneira.
A solução? Educação, educação, educação! Agora me arrependo em não ter votado em Cristovam Buarque (não que Lula tenha sido um mau presidente). Mas a solução definitiva parece ser educar nossas crianças e fazê-las pensar sozinhas. Fazê-las entender que uma maldita frase com uma linda canção no fundo não deve persuadi-las. Colocar em suas mentes que não existe apenas uma verdade. Pode haver mais de uma ou nenhuma. Ensiná-las a questionar, inclusive, esse texto. Aliás, proporcioná-las o direito de escrever um texto.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s