CRITICAS: BEM OU MAL?

ImagemEu sou pastor evangélico protestante e muito criticado por ser demasiadamente critico segundo o conceito de alguns. Mas como todas as coisas tem sua relatividade, o demasiado não é exceção.

Em um passado próximo eu me feria em meio a tantas criticas feitas a meu respeito. Veja bem, eu disse, (eu me feria). Mas não era bem assim que  pensava pois meu entender era que o autor da critica havia me ferido. Então as portas das emoções se escancararam para que entrasse magoa, rancor, e antipatia pela pessoa que fez a critica.

Após um longo lento e doloroso processo, que me levou a enxergar as criticas como uma agulha de bússola para nortear minha ideologia, comecei a perceber que o problema não eram os críticos, mas sim uma alma enferma e em uma personalidade em ruínas que habita minha mente. Digo isso no presente, pois ainda há muito pra se restaurar em minhas emoções, e creio que durará esse processo até o fim da minha vida. Ou seja: nunca vou chegar a plenitude de sanidade em minhas emoções, mas posso melhora-la dia a dia.

Foi quando decidi ser  cientista de mim mesmo, aceitando as criticas, vendo os fatos, coletando os dados e só então chegando às conclusões. Foi então que aos poucos vi cair diante de mim um mito que a sociedade de alma ferida criou para diferir entre as criticas que lhe são convenientes e as que não. O mito da critica destrutiva e construtiva.

Então, se abriu para mim as portas da liberdade em minhas emoções, e para mim passou a não existir critica construtiva ou destrutiva, mas sim uma critica, que eu poderia pega-la e fazer o que bem quisesse dela.

Descobri que criticas podem ser o que eu decidir que elas sejam. E minha decisão foi que elas seriam  propulsores  que me levariam a lugares altos.

Em fim, conclui que para a critica se tornar construtiva ou destrutiva, depende totalmente da sanidade da alma que a recebe. Pense nisso.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s